Série A: Jogadores do Atlético-MG analisam vitória no clássico contra América e retorno ao G4

No Independência, considerado a casa dos dois rivais, o Galo cantou mais alto e superou o Coelho por 3 a 1, nesta quinta-feira, pela 10ª rodada. Ricardo Oliveira, Cazares e Tomás Andrade fizeram os gols, com Messias descontando

Da Redação
Belo Horizonte, MG, 8 de junho de 2018

Os jogadores do Atlético deixaram o gramado da Arena Independência, na noite desta quinta-feira, comemorando a vitória por 3 a 1 sobre o América e a reação da equipe no Campeonato Brasileiro. Com o triunfo no clássico, o Galo deu um salto na tabela de classificação, retornando ao G4 ocupando a quarta colocação com os mesmos 17 pontos do Palmeiras, o terceiro colocado, e um a menos que o Sport, o vice-líder.

Com duas assistências, Róger Guedes, um dos artilheiros do Brasileirão com seis gols, foi um dos destaques do Atlético. E esbanjou alegria mesmo sem balançar a rede.

“Fico muito feliz. Foi mais uma boa atuação minha e da equipe, precisávamos do resultado, ainda mais em um clássico. A gente sabia que seria um jogo difícil e fico feliz por ter conseguido ajudar a equipe´´, comentou o atacante, que também é artilheiro do Brasileirão, com seis gols, ao lado de Willian, do Palmeiras.

O goleiro Victor também destacou a importância da vitória.

“Tínhamos esse objetivo e sabíamos as dificuldades que a gente enfrentaria, mas o time adotou postura de jogar pelo resultado, coisa que andou pecando em outras oportunidades, quando estava à frente no placar e permitiu a reação dos adversários. Hoje, soubemos administrar o resultado conquistado no primeiro tempo e, no final, fomos fatais no contra-ataque. Campeonato Brasileiro é isso, quando você constrói o resultado, é importante que você o defenda também. Hoje, soubemos fazer isso com competência e conseguimos a vitória´´, analisou o goleiro.

“Conseguimos readquirir a confiança. O time fez bom jogo, tocou bem a bola, se movimentou e marcou bem o adversário. Foi vitória para dar confiança, em clássico, que nos deixa em boa condição de tabela para fazer os dois próximos jogos em casa, que podem nos deixar em condição interessante para o segundo semestre, na volta da Copa do Mundo´´, completou o camisa 1 atleticano.

O argentino Tomás Andrade destaca que o gol marcado no clássico, seu primeiro na carreira profissional, tirou um peso grande que ele carregava.

“Para mim, o gol foi muito importante para ganhar confiança. Graças a Deus, consegui fazer o gol e acho que isso vai me liberar um pouco dessa pressão interna que eu trazia. Agora, espero que venham muitos mais´´, afirmou.

 

Fonte: assessoria de imprensa do Atlético