Sul-Americana: Corinthians tem o principal desafio entre os seis brasileiros e encara o Racing-ARG

O Timão quer dar o troco no rival argentino logo em seu primeiro desafio no torneio. Afinal, o adversário o eliminou, nas oitavas de final, da competição realizada em 2017. Será o primeiro desafio internacional de Fábio Carille após o seu retorno

Luiz Ademar
São Paulo, SP, 18 de dezembro de 2018

O Corinthians, agora novamente comandado pelo técnico Fábio Carille, pegou a principal pedreira na primeira fase da Copa Sul-Americana de 2019. Enquanto Santos, Botafogo-RJ, Chapecoense, Bahia e Fluminense não têm reclamar dos respectivos adversários, o Timão enfrentará logo o Racing, da Argentina, que nas oitavas de final eliminou o time do Parque São Jorge a competição de 2017. O sorteio aconteceu na segunda-feira (17/12), no Paraguai.

Além de Corinthians e Racing, outro duelo entre brasileiros e argentinos acontecerá entre Botafogo-RJ e Defensa y Justicia

Já o Santos, que na última segunda-feira oficializou dois anos de contrato com o técnico Jorge Sampaoli, terá pela frente a primeira fase da Sul-Americana o River Plate, do Uruguai. Brasileiros e uruguaios também medem forças no confronto entre Bahia e Liverpool.

Os dois outros clubes brasileiros enfrentarão adversários chilenos. O Fluminense desafia o desconhecido Antofagasta, enquanto a Chapecoense encara o nada tradicional Unión La Calera.

Vale lembrar que na primeira fase da Copa Sul-Americana 44 clubes foram divididos nos blocos Sul (Argentina, Bolívia, Chile, Paraguai e Uruguai) e Norte (Brasil, Colômbia, Equador, Peru e Venezuela). Um bloco sempre enfreta o outro. Os jogos de ida e volta acontecerão em fevereiro (entre 5 e 21).

Na segunda fase da competição, os 22 vencedores terão a presença de mais 10 clubes eliminados da Libertadores ( oito terceiros colocadas da fase de grupos, além dos dois melhores eliminadas nas preliminares).

Em 2019, em atitude muito contestada pelos cartolas, que pouco se preocuparam com a contrariedade dos clubes,  a Libertadores e a Sul-Americana terão a final em jogo único.

Confrontos da primeira fase (clubes da direita decidem em casa)

Corinthians x Racing (ARG)

River Plate (URU) x Santos

Bahia x Liverpool (URU)

Botafogo x Defensa y Justicia (ARG)

Fluminense x Antofagasta (CHI)

Unión La Calera (CHI) x Chapecoense

Montevideo Wanderers (URU) x Sport Huancayo (PER)

Independiente (ARG) x Deportivo Binacional (PER)

Bolívia 2 x Rionegro (COL)

Argentinos Juniors (ARG) x Estudiantes de Mérida (VEN)

Deportivo Municipal (PER) x Colón (ARG)

Union Española (CHI) x Mushuc Runa (EQU)

Universidad Tecnica Cajamarca (PER) x Atlético Cerro (URU)

Deportivo Santaní (PAR) x Once Caldas (COL)

Universidad Católica (EQU) x Colo-Colo (CHI)

Deportivo Macará (EQU) x Guabirá (BOL)

Bolívia 1 x Monagas (VEN)

Mineros (VEN) x Sol de América (PAR)

Deportivo Cali (COL) x Guaraní (PAR)

Bolívia 3 x Zulia (VEN)

Independiente CG (PAR) x La Equidad (COL)

Unión Santa Fe (ARG) x Independiente Del Valle (EQU)